Mais de 11 milhões de pessoas acessaram a rede através de dispositivos móveis

A Navegg, empresa especializada em análise de audiência online, registrou que o número de internautas brasileiros cresceu 3% no último trimestre, chegando a 105 milhões. Em abril, a empresa divulgou que a quantidade de pessoas conectadas no país já era de 102 milhões.

Do total de usuários, 57% são homens e 43% são mulheres. Em relação à idade, 46% estão na faixa etária entre 25 e 34 anos, enquanto 27% têm entre 18 e 24 anos. A classe C é maioria entre os internautas brasileiros, com 61%. As classes A e B somam 37%. Apenas 2% pertencem à classe E.

Navegação

Em junho, o acesso a sites esportivos aumentou 12%, em virtude da Copa das Confederações, que movimentou o país nesse período. Além disso, a onda de manifestações também afetou o comportamento dos internautas. Os protestos foram alavancados por pessoas que se informam prioritariamente pela internet e se comunicam através de redes sociais, repercutindo na web a mesma postura vista nas ruas, com isso, o acesso a sites relacionados às causas sociais teve um aumento de 67%.

E-consumidores

A quantidade de internautas que demonstrou intenção de compras foi bastante significativa. Em julho, mais de 25 milhões de pessoas utilizaram a rede para pesquisar bons preços e passaram mais tempo que o normal em lojas online. Produtos tecnológicos e artigos de moda e beleza foram os itens mais buscados.

Acesso mobile

O mobile contribuiu para o aumento de usuários da rede. As conexões desse tipo cresceram 12% no último trimestre, com mais de 11 milhões de pessoas acessando a internet através de tablets e smartphones. Nesse estudo, a Navegg identificou um equilíbrio entre homens e mulheres, o que demonstra que a penetração de dispositivos móveis é muito semelhante ao perfil demográfico geral da população brasileira.

Também poderá gostar de...

0 Comentários