Considerada a segunda capital do estado de São Paulo, Campinas é a cidade que mais gerou riquezas no setor de serviços. A região subiu três posições no ranking do PIB, ocupando o 11ª lugar entre as cidades do país. Com isso, franquias do setor de serviços, como a Sr. Computador e a House Shine, estão priorizando a região na busca por parceiros de negócios

Campinas tem apresentado um desenvolvimento bastante acelerado e a tendência é que continue em ascensão. Este crescimento é notado em praticamente todos os setores, desde o da indústria até o de serviços, este último despertando ainda mais a atenção de empresários.

Segundo levantamento da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp), Campinas registrou 6.857 mil novos empreendimentos no primeiro semestre de 2012 contra 5.787 no mesmo período do ano passado, um aumento de 18% no número de novas empresas abertas em comparação a 2011.

Este crescimento não veio de uma hora para a outra. De acordo com a mesma fonte, a abertura de empresas na cidade de Campinas quase triplicou em cinco anos. Entre 2006 e 2010, foram registrados 30.981 novos estabelecimentos. Em 2006, foram abertas 3.769 empresas, enquanto em 2010 o volume foi de 10.784.

É muito abrangente a gama de setores dessas empresas que estão se estabelecendo no município, mas algumas áreas têm se destacado. Dados da Jucesp apontam que, desde 2009 até o primeiro semestre de 2012, cerca de 361 empresas no ramo de manutenção de computadores foram formalizadas e reconhecidas pelo MEI (Microempreendedor Individual), ocupando o 9º lugar no ranking das mais populares.

“Por ser um dos principais polos econômicos do país, Campinas é fundamental para o crescimento de uma rede de franquias, pois possui uma base de negócios diversificada e com grande demanda por serviços relacionados com as áreas inovação e tecnologia,” afirma Gustavo Freitas, diretor presidente da Sr. Computador – franquia especializada em reparos e manutenção de computadores para pessoas físicas e jurídicas e venda de produtos da área de tecnologia.

A cidade também desperta interesse de marcas internacionais, como é o caso da House Shine – franquia lusitana especializada em limpezas de imóveis residenciais e comerciais. “Já mapeamos a região e Campinas é um de nossos focos prioritários. O PIB da cidade já representa 2,6% do PIB nacional, o que demonstra uma vocação especial por gerar riqueza. Consequentemente, a demanda por serviços diversos também é grande. Ou seja, é um investimento quase que certeiro” diz Cândido Mesquita, presidente da N Brand em Portugal e fundador da House Shine.

Este crescimento de participação no PIB nacional é recente. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), há três anos a cidade de Campinas se mantinha representando cerca de 1% do PIB nacional.

Números do setor de serviços 

O setor de serviços é o que mais cresceu na região. De um total de R$ 36,6 bilhões do PIB de Campinas, R$ 20,1 bilhões foram produzidos pelo setor. No ranking de geração de riqueza dessa área específica, a cidade ocupa a 12ª posição nacional, e a primeira da região metropolitana.

Franchising em bilhões

De acordo com a ABF – Associação Brasileira de Franchising -, o setor de franquias cresceu 82% nos últimos 10 anos. Somente em 2011 foram faturados R$ 89 bilhões, valor que deve aumentar em 15% este ano. Os bons resultados do mercado atraem a atenção de empreendedores do país inteiro que vêm nas franquias a oportunidade de gerenciar o tão sonhado negócio próprio. “Enquanto a Europa está em crise, o Brasil vai demonstrando fôlego para manter a economia ativa. Foram esses números do franchising, entre outros fatores, que nos motivaram a investir no país. Esperamos fechar este ano com pelo menos 60 franquias comercializadas”, finaliza Mesquita.

Também poderá gostar de...

0 Comentários