Parque Ecológico do Rio Cocó
Atendendo a pedido de nossos leitores, estamos postando uma matéria sobre turismo. Para tanto, convidei nossa amiga e parceira Verônica Fassoni do Fala Turista. Espero que gostem!

Nos mais famosos destinos turísticos praianos, o melhor da natureza são as praias, certo? Não necessariamente. Em lugares como Fortaleza, no Ceará, ou Florianópolis, em Santa Catarina, a natureza também está presente, com muita beleza, em parques, cheios de área verde preservada para quem quer um bom contraste com o azul do oceano sem abrir mão do conforto e da paz que rondam um ambiente natural. Em sua próxima viagem, você pode até procurar por hotéis próximos da praia para se hospedar aqui e curtir a linda orla de cada uma dessas cidades, mas não se esqueça: não é só isso que Floripa e Fortaleza têm para oferecer.

Um bom passeio na capital cearense que não envolve onda e água salgada, por exemplo, é o Parque Ecológico do Rio Cocó, uma área de conservação que atende, também, como parque estadual Adhail Barreto. O parque conta com quase 1200 hectares de área verde preservada e é pertinentemente cortado pelo rio que dá nome ao espaço. Além de ser um bom recurso para se estar perto da natureza, o parque também conta com áreas totalmente estruturadas para o lazer, o esporte e a cultura, sendo também um ponto turístico indispensável no seu passeio em Fortaleza, além de ser uma ótima opção para levar as crianças. Por lá você encontra playground, trenzinho e palestras de educação ambiental, além de eventos artísticos e culturais para todas as idades. Quem não tem crianças à tiracolo pode curtir a trilha ecológica ou a pista de cooper que é disponibilizada no parque.

Praticar esportes por lá, inclusive, é palavra de ordem. Além de anfiteatros e parques infantis, o Parque Adhail Barreto também conta com quadras esportivas, campos de futebol, ciclovias e pistas para caminhada, o que faz com que a área seja endereço certo para trilhas para todos os gostos, competições esportivas e aulas extensas – mas não cansativas – de educação ambiental pelas escolas. Pode procurar por um hotel bem localizado em Fortaleza e passar seus dias de passeio entre as praias e o parque, sem medo de ser feliz. Aliás, sem medo de nada, já que a Polícia Militar tem uma sede ativa dentro do parque, garantindo a segurança de turistas e moradores.

Em Santa Catarina, o jeito é mesmo procurar por hotel barato nas praias de Florianópolis, já que a vista é espetacular e incansável. Por lá, as opções de parques para trilha e caminhada são muitas, como pelo Parque Municipal Lagoinha do Leste, Morro das Aranhas, Morro da Feiticeira, Morro da Coroa, Parque Municipal do Campeche, entre tantos outros. Em alguns desses parques e em outros pela capital catarinense é possível conhecer mais sobre a cultura dos povos açorianos, que povoaram o estado de Santa Catarina, através de expedições e trilhas únicas do Brasil.

Parque Municipal Lagoinha do Leste
Para fechar o bom pacote de parques da ilha, que tal uma visita aos sítios arqueológicos que permeiam a cidade? Em uma atividade de cultura e integração como essa, você vai poder ver o valor da ilha para a história brasileira e entender ainda mais sua cultura. Afinal, além de ter lindas praias, área verde e muita gente bonita, Floripa também tem resquícios do início da povoação do continente americano, em parques arqueológicos extremamente ricos de material para pesquisa ou simplesmente conhecimento. Por essas e outras é que uma viagem para Santa Catarina, a qualquer época do ano, sempre valerá – e muito – a pena.

[Atualizado] Convido a todos visitarem o Fala Turista, clicando aqui. Abraços! Marcio Wirkus

Também poderá gostar de...

0 Comentários