O mês de férias está acabando e chega a hora de nos perguntarmos: você contraiu alguma dívida nesse período? O fim das férias de julho nos faz reparar que já estamos rumo ao final de ano e que esse é o momento ideal para ser feita uma análise de como andam as finanças pessoais e concluir se está ou não no vermelho.

Para se ter uma ideia, no primeiro semestre de 2012 atingiu-se a maior taxa de cheques sem fundos desde 2009, chegando a 2,07%. Esses dados revelam que nem tudo está fluindo corretamente no quesito planejamento para algumas pessoas e, por isso, agora é a hora de colocar as contas em dia para que os próximos seis meses sejam tranquilos.

O balanço financeiro pode ser feito através de uma planilha que contenha os principais gastos obtidos desde o início do ano. Dessa forma, deve ser analisado quanto de bens supérfluos você adquiriu para não repetir a dose no próximo semestre. Outra dica é que, para as dívidas contraídas em longo prazo, especialmente em cheques, carnês e cartões de crédito, recomenda-se checar até quando vencerão esses débitos, impedindo ao máximo que fiquem contas para os últimos meses de 2012.

Vital no nosso dia a dia, a saúde financeira pode influenciar na vida social e emocional do individuo. Portanto, é indispensável que seja realizada essa avaliação, evitando, desse modo, o acúmulo de dívidas para o final de ano, época que sempre queremos um dinheiro extra para gastar.

Dora Ramos - É fundadora e diretora da Fharos Assessoria Empresarial, atuando no mercado contábil administrativo há mais de 21 anos. www.fharos.com.br

 

Também poderá gostar de...

0 Comentários